PMPF Facebook

Passo Fundo, 16/02/2022, 11:05

Edição do Prefeitura Mais Perto recebe músicos

Proposta é ampliar os diálogos com os diferentes setores da sociedade

Após receber demandas oriundas de mais de 50 lideranças comunitárias em 2021, o prefeito de Passo Fundo, Pedro Almeida, reuniu-se com músicos e artistas independentes nesta terça-feira (15), no Auditório Biomédico da Universidade de Passo Fundo (UPF), para dialogar sobre projetos e propostas de fomento e promoção social da arte e da cultura local, com foco na produção musical.

O encontro integra o programa Prefeitura Mais Perto, construído pelo governo municipal com o objetivo de aproximar a Administração da comunidade, ampliando o diálogo a respeito de pautas de interesse social. “O ‘Prefeitura Mais Perto’ é uma iniciativa importante para que possamos nos aproximar cada vez mais das pessoas. Muitas vezes, nestes encontros, são construídas alternativas de ação que geram resultados positivos para todos”, disse o prefeito, citando como exemplo algumas sugestões apresentadas pelos presidentes de associações de moradores que participaram das reuniões no ano passado e que foram atendidas pelo governo.

Aos músicos, o prefeito, que tem sua trajetória pessoal e profissional ligada ao setor artístico, falou sobre os impactos da pandemia na cultura, destacando os prejuízos econômicos vividos por músicos e artistas independentes. “A cultura não pode ser resumida apenas aos aspectos do lazer e do entretenimento. Cultura gera emprego e renda, movimenta a economia. Por isso, é fundamental termos políticas de assistência para o setor”, afirmou Pedro.

O chefe do Executivo aproveitou a atividade para fazer um balanço das ações da Secretaria Municipal de Cultura e citar os editais lançados com o intuito de viabilizar diferentes programas de trabalho, como o Funcultura que, em sua sexta edição, contemplou 30 projetos, totalizando um repasses de R$ 300 mil para a área. “Esta foi a maior premiação já concedida pelo Fundo, reforçando nosso compromisso com a cultura em Passo Fundo”, argumentou o prefeito, elencando ainda a adesão do Município aos auxílios emergenciais da Cultura, por meio de um programa do Governo do Estado; e a Lei Aldir Blanc, que possibilitou que outros artistas fossem remunerados pelos seus trabalho.

Pedro também falou de outros subsídios investidos na cultura local, como os editais Viva Passo Fundo, que beneficiou 70 projetos, totalizando R$ 100 mil; e o Música na Praça Virtual, que contemplou 42 ações, com recursos de R$ 21 mil. “Para 2022, há uma série de novos projetos e ações que tem a música e a cultura como protagonistas”, antecipou o prefeito.

Cidade dos Festivais

Para a secretária de Cultura, Miriê Tedesco, os investimentos no setor cultural estão fazendo com que Passo Fundo retome o protagonismo na área. “Somos um município que investe e acredita nos seus artistas, nas mais diferentes manifestações culturais. A Secretaria tem procurado firmar parcerias para assegurar que possamos, juntos, fazer um grande movimento de retomada das artes locais”, declarou ela, comentando também que diversas atividades estão previstas para ocorrer em 2022. “Vamos retomar o Festival Internacional de Folclore, celebrar a Feira do Livro e reviver outros eventos que consagram Passo Fundo como a Cidade dos Festivais”.

O músico Rafael Terres acompanhou o Encontro e observou que o grande número de pessoas que estavam participando demonstra a relevância da iniciativa. “Esta é a primeira vez que eu participo de uma atividade em que há um público expressivo disposto a discutir projetos e iniciativas de valorização da nossa atividade profissional. Fico bastante satisfeito ao ver que a Prefeitura está atenta às necessidades do setor cultural”, ponderou Terres. O músico ainda comemorou os anúncios feitos pelo prefeito. “A iniciativa de levar a música e os artistas locais para as escolas municipais é uma ótima ação, porque vai aproximar as crianças de um cenário diferente”.

O presidente da Câmara de Vereadores, Evandro Meireles, participou da atividade e destacou que o Legislativo é parceiro das iniciativas que possam agregar valor e incentivar o desenvolvimento da arte e da cultura local. “Precisamos trabalhar juntos e somando esforços para valorizarmos as ações culturais e artísticas de Passo Fundo”, falou.


Galeria de imagens


Rua Dr. João Freitas, 75
99010-005 - Passo Fundo - RS
Telefone (54) 3316 7100

Central de Atendimento
0800 541 7100
pmpf@pmpf.rs.gov.br

Horário de atendimento:
De segunda a sexta-feira
Das 08h às 11h30min
Das 13h30min às 17h